TRISTEZA: Após perder esposa e filho para o CORONAVÍRUS, homem morre de infarto em SP

0
38

Após três meses do falecimento de sua esposa e de seu filho por coronavírus, o despachante Silvio Dias Novaes, de 60 anos, morreu de infarto na noite de ontem, conforme disse a sua filha, a técnica de enfermagem Maria Carolina da Silva.

Sílvio perdeu a sua esposa Alzira da Silva Novaes, de 59 anos e o filho, Luiz Fagner Dias Novaes, de 31 anos, quando eles foram infectados pelo COVID-19 quando eles revezavam para cuidar de Sílvio que estava internado na época devido a um AVC.

Depois de ter perdido a esposa e o filho, Sílvio entrou em depressão e não suportou o sofrimento da ausência da mulher e do filho, e veio a falecer nesta sexta-feira (17/07).

Maria Carolina, assim como toda a família, contraiu o vírus porém conseguiu se recuperar. Ela disse:

“Por fora ele parecia estar bem, mas chorava todas as noites pela situação e pela ausência da minha mãe e irmão. Nesta sexta, por volta de 11h05, ele mandou para todos um vídeo da minha mãe cantando na igreja, e uns 15 minutos depois passou mal e morreu. Estamos arrasadas. Não sei como a vida pode ter sido tão injusta com a gente”, desabafa.

Informações: G1

VEJA O COMEÇO DA TRISTE HISTÓRIA DA FAMÍLIA DE SILVIO DIAS NOVAES:

TRISTEZA: Mãe entubada na UTI, não sabe que o filho caçula morreu da mesma doença, coronavírus