OUTRA VEZ: Ex-ministro Antônio Palocci volta a delatar presidente do PT, Gleisi Hoffmann

0
185

O ex-ministro Antônio Palocci, voltou a afirmar em sua delação que a empreiteira Camargo Corrêa doou a ex-ministra candidata ao senado em 2010 para Gleisi Hoffmann e ainda confirmou que a OAS, doou R$ 800 mil e a Odebrecht R$ 2 milhões sendo tudo por caixa 2 da campanha em que ela venceu a eleição para senadora.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Com informações: O Antagonista