Morte de atleta por choque com iPhone reacende risco de celular no banho

0
40

 

Irina Rybnikova, que teria morrido por choque com iPhone carregando

Resultado de imagem para Irina Rybnikova

jovem atleta russa Irina Rybnikova morreu nesta segunda-feira (10) por uma fatalidade que, apesar de ainda pouco comum, vem acontecendo apesar do risco.

Segundo relatos da imprensa do país, a menina de 15 anos, sofreu um choque elétrico após o seu iPhone cair durante o banho, em sua casa em Moscou.

O jornal britânico “Daily Mail” disse que Irina teria colocado o celular para carregar, mas o objeto caiu e o contato com a água resultou em um choque elétrico fatal.

Ela era campeã russa de pankration, uma arte marcial da Grécia antiga e tratada como a precursora do MMA moderno.

Resultado de imagem para Irina Rybnikova

Perigo:

Um retrospecto rápido aponta um padrão: as pessoas ainda curtem usar celulares no banheiro. O que já não é recomendado porque o vapor da água quente danifica o aparelho a longo prazo.

Mas usá-lo com o carregador conectado à tomada, e ainda próximo de uma banheira para fazer selfies ou checar notificações, é algo mortal.

Em fevereiro deste ano, também na Rússia, Evgenia Sviridenko, de 24 anos, também morreu eletrocutada após seu iPhone plugado ao carregador cair na banheira.

Dias antes, a russa Kseniya P, de 12 anos, faleceu com o celular caindo dentro do box do banheiro. No ano passado, a americana Madison Coe, de 14 anos, teve o mesmo destino, da mesma forma.

Fonte: Uol

VEJA TAMBÉM:

Mãe fica no celular e não percebe que filho de quatro anos se afogava atrás dela em piscina. VEJA O VÍDEO