MINISTRO MORO DETONA: ”Coronavírus não pode ser alvará para soltura de presos”

0
25

O Conselho Nacional de Justiça, determinou por medidas preventivas conta a pandemia do Coronavírus, a soltura de alguns presos para evitar que o vírus se espalhe nas cadeias por aglomeração de pessoas.

Com isso, a sociedade brasileira tem que preocupar com o coronavírus e com vários marginais que ganham a liberdade condicional sem cumprirem a pena imposta pela justiça, com validade de 90 dias.

O ministro Sérgio Moro foi contra esta medida e disse que o ”coronavírus não pode ser usado como subterfúgio para soltar qualquer criminoso”

Veja o que disse o ministro Sérgio Moro: