Líder dos caminhoneiros manda recado para o PT: ”Não mexam com MORO”

0
1177

Depois de ver o ministro Sérgio Moro ser atacado nas redes sociais por hackers de esquerda e tentar manchar a desqualificar a Lava Jato, que através dessa Operação, vários corruptos estão na cadeia, e um dos principais chefes de corrupção, o ex presidente Lula e ter conseguido bilhões de volta aos cofres públicos, o líder dos caminhoneiros, Wanderlei Alves, apelidado como Dedéco, ficou indignado e vendo a ingratidão sobressair sobre Sergio Moro, decidiu então, mandar um recado á esquerda:

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Ele disse a esquerda e o PT não se atrever a desonrar o ministro Moro ou tentar atrapalhar as reformas, porque de acordo com ele, já estamos cansados de corruptos da esquerda que ficaram anos no poder. Ele disse que queria cercar Brasília com os caminhoneiros e parar o Brasil, e que não descarta outra paralisação, porque a maioria apoia o Governo Bolsonaro e o ministro Moro.

Chega de mentiras e corrupção!

O Brasil agradece aos caminhoneiro e em especial a esse chefe Dedéco, por esse apoio ao nosso ministro Sérgio Moro.