Hacker preso queria vender mensagens vazadas de Moro e Dallagnol para o PT

0
52

Em seu depoimento a Polícia Federal, o hacker Walter Delgati Neto, disse que os seus 4 amigos envolvidos nas mensagens vazadas do ministro Sérgio Moro, queriam vender par o Partido dos Trabalhadores, mas ele não estaria envolvido diretamente nas negociações.

Walter teria dito que seu amigo Dj Gustavo, havia lhe mostrado as mensagens e que aconselhou ao DJ que ele poderia ter grandes problemas com isso, o que acabou acontecendo. A intenção dos hackers era desmoralizar Moro e ganhar dinheiro em cima do PT, vendendo as mensagens vazadas. Agora o advogado de Walter Delgati Neto, disse que sei cliente está ”perturbado” e que tem problemas psiquiátricos. Estamos diante de mais um Adélio Bispo que tentou matar Bolsonaro.

Resultado de imagem para 'hacker' PT

Quando é para fazer um crime quase impossível, onde a pessoa tem que ter um QI muitoo elevado, eles não tem problema, mas quando caem na mão da polícia, todos tem problemas psiquiátricos.

PF diz que celular de Bolsonaro foi hackeado

O Ministério da Justiça e Segurança Pública informou hoje que aparelhos celulares utilizados pelo presidente Jair Bolsonaro foram alvos de ataques pelo grupo de hackers preso na terça-feira.Mais notícias em: www.bandnews.com.br

Posted by BandNews TV on Thursday, July 25, 2019

Os hackers também tentaram hackear as mensagens do celular do presidente Jair Bolsonaro.