Gilmar Mendes afronta Forças Armadas e diz que: ”Estão se associando ao genocídio”

0
30

Em uma live feita pelo ministro do STF, Gilmar Mendes, que criticou a situação do governo por estar enfrentando uma pandemia e continua sem um ministro da Saúde para tentar buscar uma solução para amenizar as causas que o COVID-19 vem assolando o país.

O mais grave em seu discurso e não respeitando a corporação, o ministro disse que o Exército está ”se associando a um genocídio”

AS FORÇAS ARMADAS FIZERAM UMA NOTA DURÍSSIMA E ENTRARAM NA PGR ...

E o ministro Gilmar Mendes prosseguiu:

“Não podemos mais tolerar essa situação que se passa com o Ministério da Saúde. Pode ter estratégia, tática em relação a isso, mas é impossível, não é aceitável que se tenha esse vazio. Pode-se até dizer que a estratégia é tirar o protagonismo do Governo Federal e atribuir a responsabilidade a Estados e Municípios mas, se for essa a intenção, é preciso fazer alguma coisa”, disse ele.

“Isto é ruim, é péssimo para a imagem das Forças Armadas. É preciso dizer isso de maneira muito clara: o Exército está se associando a esse genocídio. Não é razoável para o Brasil. É preciso por fim a isso”, continuou.

As Forças Amadas não gostando da posição e da fala do ministro e dizendo que ele estaria completamente enganado, soltou uma nota em que o Ministério da Defesa das Forças Armadas, atuam no combate ao coronavírus.

Foto principal: Brasil 247

Veja a note abaixo: