”Daria a minha vida, a minha alma para minha mãe viver mais tempo”, disse filho que escalou hospital

0
27

A história de amor entre filho e mãe que emocionou o mundo e viralizou nas redes sociais, onde o filho Jihad Al-Suwati de 30 anos, subiu as paredes do hospital onde sua mãe estava internada com COVID-19 e tinha leucemia. Jihad viu sua mãe Rasmi de 73 anos falecer.

Ontem, em entrevista para a CNN, seu irmão Youssef, disse que a mãe deles, morreu quando o Jihad a olhava da janela, nos seus últimos momentos de vida.

Jihad pediu para que os filhos de seus pais, para não sentirem a mesma dor que ele. Ele disse: Nunca imaginei viver essa situação, perder minha mãe assim. Não desejo isso para ninguém. Senti que o mundo se fechou à minha frente”, disse Jihad em entrevista à Palestine TV.

Ele disse também que não sabe como conseguiu ter forças para escalar a janela do hospital e ver os últimos momentos de sua mãe, e disse também: “Se eu tivesse a possibilidade, daria minha vida, minha alma para que ela ficasse viva por mais um tempo. Cuidem dos velhos para não sentir a amargura que senti”

Informações: UOL.

Como Zezé Di Camargo cantou…

VEJA TAMBÉM:

AMOR ETERNO: Filho escala prédio de hospital para se despedir de sua mãe com CORONAVÍRUS