Bolsonaro altera o protocolo de uso da CLOROQUINA: ”Poderá usar desde o começo dos sintomas”

0
21

O presidente Jair Bolsonaro, tomou uma nova decisão em relação a cloroquina, pela qual ele havia afirmando desde o início da pandemia que vai permitir o uso do remédio desde os primeiros sintomas do coronavírus.

Depois da decisão do presidente, Teich, que não ficou um mês no governo, pediu demissão do ministério da saúde.

Até então, era recomendado o uso do medicamento em estado grave do vírus, que estava em pauta pelo ex-ministro da saúde, Luiz Mandetta.

O presidente disse que é um direito do paciente contaminado decidir sobre o tratamento.

“O protocolo deve ser mudado hoje porque o Conselho Federal de Medicina diz que pode usar desde o começo”, disse Bolsonaro. “O médico na ponta da linha é escravo do protocolo. Se ele usa algo diferente do que está ali e o paciente tem alguma complicação, ele pode ser processado” (via: Estadão)

Após a saída de Teich, Bolsonaro marcou uma reunião com a médica Nise Yamaguchi, no Palácio do Planalto.

Nise tem o mesmo pensamento do presidente Bolsonaro, tanto quanto ao isolamento vertical, quanto ao uso da cloroquina para o combate ao coronavírus.

Veja o que a médica Nise disse sobre a cloroquina: