ARREPENDIMENTO: Ex-ministro Sérgio Moro, pede desculpas para deputada Carla Zambelli

0
63

Nesta semana, o ex-ministro Sérgio Moro, deu uma entrevista a Jovem Pan, onde demonstrou que está sentindo na pele os seus erros cometidos desde quando entrou para a política, porque antes era tido como herói da pátria e depois de entregar o seu cargo e fazer parceria com a Rede Globo, tornou-se um vilão para muitos.

Hoje, o ex-ministro Sérgio Moro, desagrada tanto a esquerda como a direita. Um dos episódios que marcou a sua desastrada demissão, foi o que envolveu a sua amiga e afilhada, a deputada federal Carla Zambelli.

Sérgio Moro, expôs publicamente Carla Zambelli e seu marido, quando esses, o convidaram para ser padrinho de casamento.

O ex-ministro chegou a dizer que aceitou a ser padrinho do casal por constrangimento, dando a entender que ele não queria participar da cerimônia e não tinha intimidade suficiente com a deputada, porém ela, o considerava um grande amigo. Moro não teve o mínimo de consideração e respeito com Carla.

O ex ministro Moro, começa a tropeçar nos seus próprios passos, quando decidiu abandonar o governo Bolsonaro e logo em seguida, deu uma entrevista ao Jornal Nacional que como sabemos, é contra o governo.

Hoje, parece que Sérgio Moro sente o efeito dos erros e a sua biografia tão estimada por ele, parece não ser uma ”unanimidade” mais e parece que a sua ficha está começando a cair.

O ”herói”, perdeu a sua capa e ficou apenas de máscara.

Moro disse: “Eu até usei mal a palavra (constrangimento) e peço ‘excusas’. Quero todo o bem para a Carla Zambelli e o marido dela. Não tenho nenhuma questão pessoal, quero que sejam felizes e bem sucedidos”